Uma coisa que deu certo…


…e outra que nem tanto. Maravilha fica a Uva-do-oregon, Mahonia aquifolium (Berberidaceae) em conjunto com a Nandina, Nandina domestica (Berberidaceae) no nosso pequeno jardim. Reparei agora que são ambas da família Berberidaceae. Ambas têm grande interesse todo o ano e destacam-se muito nesta época, com todas as outras plantas bastante apagadas.
Nem tanto a trepadeira no fundo. Foi sugerida pelos arquitectos, quando (ainda) estavamos permeáveis às suas sugestões. Hoje preferíamos, de longe, a parede branca. Aliás chegamos à conclusão que não gostamos muito deste tipo de trepadeiras; se estiverem a parasitar árvores ou outras plantas, achamos abomináveis.

2 Responses to “Uma coisa que deu certo…”

  1. carla afonso

    Gostei da junção da Nandina com a mahonia: francamente bonito.
    Qual é a mal amada trepadeira?

    Uma ficus? “Daqui” parece…A esta distância, acho que resulta.
    Podem sempre arrancar e mandar cá para casa, para uma espécie de asilo “políticoo”. :-) tenho imeeeeeensos metros lineares de trepadeiras para plantar.
    Podei drasticamente a datura (copos de leite brancos extremamente olorosos durante a noite – arbusto de “grande” porte). Querem estacas?
    Acho que esta espécie pega de qualquer maneira.

  2. jrf

    Não sei qual é a trepadeira. Tem umas folhas pequenas. Não se pode dizer que seja totalmente horrível, mas o contraste com a parede branca seria muito melhor.
    Não dá para arrancar — a tinta vai junto, o que obrigaria a pintar. Até pintaria, se soubesse que os pintores não estragariam nada, mas infelizmente não é assim. Por isso, fica.
    Não sei o que é a datura.
    Essas estacas, são viáveis quanto tempo antes de irem para a terra? Ou mete-as imediatamente na terra?

Deixe um comentário

Mantenha-se no tópico, seja simpático e escreva em português correcto. É permitido algum HTML básico. O seu e-mail não será publicado.

Subscreva este feed de comentários via RSS

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.